História do teatro

A história do teatro teve início na Grécia Antiga, em torno do século VI a.C.

Nessa época, eram realizados rituais em louvor ao deus mitológico Dionísio, divindade relacionada à fertilidade, vinho e diversão.

Assim, o teatro surge nesse contexto e em consequência dessas festas.

O que é teatro? Entenda!

O teatro é uma forma de expressão artística que tem como base a interpretação de um ou mais atores. Assim, esses artistas encenam uma determinada situação histórica ou uma atividade do cotidiano para despertar o sentimento de sua audiência.

Esse termo também apresenta um forte caráter subjetivo, como mostram as palavras de Robson Camargo, diretor, ator e professor de artes cênicas:

“O teatro é um fenômeno que existe nos espaços do presente e do imaginário, nos tempos individuais e coletivos que se formam neste espaço”

Afinal, como e onde surgiu o teatro? 

Responder como e onde surgiu o teatro não é uma tarefa fácil. Isso porque a origem do teatro conta com várias e diferentes versões. Porém, nenhuma delas, ao certo, pode ser comprovada. Isso porque o surgimento do teatro é mais baseado em especulações do que em indícios fiéis que provem a sua origem.

Porém, o consenso histórico mais conhecido e fundamentado sobre como surgiu o teatro afirma que a sua origem remeta à Grécia Antiga, e seu início foi marcado por uma série de procissões informais que tinham como objetivo homenagear Dionísio.

Apesar de ser um consenso que o teatro ocidental teve origem na Grécia Antiga, é importante frisar que essa manifestação já era presente na humanidade desde tempos remotos, mesmo que de forma rudimentar.

O teatro na pré-história

Na pré-história, os seres humanos possuíam maneiras distintas de comunicação, e a imitação era uma delas.

Muito provavelmente, os homens das cavernas desenvolveram gestos que se assemelhavam aos animais. Além disso, encenavam caçadas para contar aos seus pares como as situações ocorreram.

Assim como a dança, a música e o desenho, a linguagem teatral também teve sua importância na época pré-histórica.

Teatro para iniciantes.

Antiguidade

Quem vai assistir a peças, muitas vezes engraçadas, hoje em dia, talvez nem imagine que o teatro, há muito tempo, era sagrado. As pessoas acreditavam que por meio desses rituais era possível invocar deuses e forças da natureza para fazer chover, tornar a terra mais fértil e as caças mais fáceis, ou deixar os desastres naturais bem longe de sua comunidade. Estes rituais envolviam cantos, danças e encenações de histórias dos deuses, que assim deveriam ficar felizes com a homenagem e ser piedosos com os homens.

12 Efe: 3 - Mimos e Jograis (módulo 3)

O teatro na Grécia Antiga

As celebrações ao Deus Dionísio duravam vários dias e ocorriam na época da colheita, como forma de agradecimento pelo alimento e pelo vinho.

A participação dos cidadãos era intensa e havia uma espécie de procissão, que levava o nome de “ditirambo”. Depois surgiu o “coro”, um conjunto de pessoas que cantava e dançava homenageando Dionísio.

Capa do artigo: O teatro na Grécia Antiga: a Tragédia

Uma recriação moderna de um Coro grego, um grupo de artistas que cantavam ou diziam as suas falas em uníssono durante as peças do teatro grego.

Até que aparece Téspis, uma figura de grande importância para o surgimento do teatro ocidental. Segundo consta, esse homem participava de um desses rituais quando, em dado momento, resolveu vestir uma máscara e dizer que ele era o próprio deus Dionísio, iniciando assim um diálogo com o “coro”.

A ousadia de tal atitude fez com que Téspis fosse reconhecido como o “criador do teatro” e primeiro ator e produtor teatral.

Como surgiu o Teatro? – projetodepesquisa7c

Um dia, aproximadamente em 600 AC, no meio de um desses rituais, um rapaz chamado Thespis, rompeu-se do coro, e muito louco de vinho cantou o hino na 1a pessoa dizendo: “Eu sou Dionísio, eu fiz tudo isso”, assumindo pela primeira vez um personagem. Ele é considerado desde então o 1o ator da história.

Mais tarde, essa linguagem artística foi evoluindo e influenciou fortemente o teatro romano e outras culturas.

Do ponto de vista arquitetônico, a estrutura dos primeiros teatros era parecida. As apresentações eram feitas ao ar livre, em construções de formato semicirculares.

Havia um espaço para as representações, chamado de orquestra. O lugar para acomodar o público era a arquibancada, construída em encostas montanhosas, o que facilitava a acústica.

Já o palco era o local onde os atores se preparavam para a apresentação e guardavam os figurinos e objetos cenográficos.

Teatro de Epidauro, datado do séc IV a.C., na Grécia. Ele acomodava cerca de 14 mil pessoas

TEATRO ROMANO

O teatro romano não é um reflexo do teatro grego. Eles importaram a cultura grega, porém tinham seu próprio estilo. O teatro romano perde o caráter de sagrado e visa à diversão e ao prazer, a comédia toma o lugar da tragédia. Os espetáculos de circo romanos eram violentos, se baseavam em competições entre os romanos e os cristãos os quais eram sacrificados publicamente.
O TEATRO ROMANO Teatro de Mérida, atual Espanha. - ppt carregar

O teatro Medieval

Depois que o Império Romano declinou, teve início a Idade Média, que compreende os séculos V ao XV.

Na época medieval, durante muitos anos, a linguagem teatral foi banida na Europa. Isso porque era considerada pela Igreja Católica como uma atividade pecaminosa, ressurgindo apenas no século XII.

Assim, a finalidade do teatro medieval era a divulgação dos preceitos religiosos e histórias bíblicas, sendo encenado por membros do clero.

Teatro Medieval – Culturalizando

Renascimento

Na Itália, no final da Idade Média e início do Renascimento, surge a Commedia Dell’Arte, que se baseava em espetáculos teatrais populares, apresentados nas ruas, com textos improvisados e personagens de destaques como Arlequim, Pierrot, Colombina, Polichinelo, Pantaleão, Briguela.
Na Ingleterra, a rainha Elizabeth I deu proteção ao teatro da época pois apreciava muito os espetáculos populares. Contava com a ajuda de alguns dramaturgos ingleses para contar a história de seus heróis reforçando o sentimento do nacionalismo. O principal deles era Sheakespeare que também idealizou e construíu o mais famoso teatro inglês: o Globe.Também vale destacar o francês Moliére, patrono dos atores franceses. Moliére foi um comediógrafo, ou seja, se dedicou a escrever comédias e, em suas histórias, explorava as fraquezas e ridículos do ser humano.

Renascimento (Séc.XVI-XVII) - Luz Tecnologia e Arte

Romantismo

Nos séculos XVIII e XIX a Europa teve várias revoluções. Nesse período, a burguesia tem uma ascensão e o teatro sofre infuências, o drama substitui a tragédia e a comédia se desenvolve, o foco do teatro se torna muito mais individual e não é mais social. No romantismo, o teatro volta-se para o ser humano, as peças falam sobre emoção, e surge o melodrama. Liberdade, fraternidade e igualdade são os lemas desse período.

Teatro romântico – HiSoUR Arte Cultura Exposição

Realismo e Naturalismo no teatro

Até o século XVIII o teatro era frequentado pelo povo e essa realidade foi se modificando, a burguesia começou a ser maioria nas plateias e o teatro passou a mostrar as realidades burguesas com temas como a vida social, o casamento, o dinheiro entre outros. As representações também começaram a ser mais naturais, mostrando pessoas comuns, mais próximas da vida real.

Século XX

A partir do realismo e naturalismo o teatro evolui e se torna um instrumento de discussão e crítica da sociedade, mesmo com a falta de preocupação da reprodução da realidade nos cenários e figurinos, os temas tratados ilustram a realidade social. O teatro nessa época trabalha questões políticas e questões que refletem criticamente aspectos da sociedade vigente.

O Teatro Brasileiro do séc. XX e XXI: O Teatro Brasileiro no século XXI

 

O Teatro hoje

Dá para perceber que, com tantas influências, o teatro de hoje é uma arte muito rica. Existe a ópera, o teatro de bonecos, os musicais, o teatro feito em espaços alternativos, entre outros. Quando apareceu o cinema, há mais de cem anos, muita gente previu o fim do teatro. Falavam que o cinema iria substituí-lo, porque podia criar histórias com muito mais semelhança com a realidade. Ainda bem que isso não aconteceu!
Mostra Stravaganza 30 anos participa do projeto teatro hoje em comemoração aos 160 anos do theatro são pedro – Jornal no Palco

SURGIMENTO DO TEATRO NO BRASIL

No Brasil, a origem do teatro está relacionada à chegada dos jesuítas no século XVI e seu empenho em catequizar a população, tanto os índios quanto os colonos.

Jesuítas encontraram no teatro a forma mais fácil de civilizar os índios e, no princípio, para a educação religiosa. O padre Anchieta foi um dos que mais utilizou o que ficou conhecido como teatro de catequese, onde a preocupação era muito mais religiosa do que artística, tendo como atores os índios domesticados, mamelucos, brancos e futuros padres.

Literatura de catequese – O que foi e os principais autores?

O primeiro teatro do Brasil

Primeiramente, é importante ressaltar que já existiam alguns pequenos teatros espalhados por São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Bahia e Maranhão antes do Decreto de 1810. Dentre eles, podemos citar a Casa da Ópera em Ouro Preto (MG), o Teatro São João em Salvador (BA) e o Teatro União, em São Luís (MA).

Entretanto, o primeiro Grande Teatro brasileiro foi o Real Theatro São João, no Rio, que foi inaugurado em outubro de 1813. O edifício sofreu alterações em sua estrutura devido a três incêndios e precisou passar por reformas e até reconstruções. Além disso, mudou de nome algumas vezes — o mais conhecido deles foi Teatro São Pedro. A partir de 1923, passou a ser conhecido por sua alcunha atual: Teatro João Caetano.

Esse teatro é um local muito importante para a história do Brasil, pois foi lá que a primeira Constituição foi assinada. Atualmente, também é conhecido por sua versatilidade, uma vez que recebe peças de gêneros bastante variados. O prédio fica localizado na Praça Tiradentes, no Centro Histórico do Rio de Janeiro.

o primeiro Grande Teatro brasileiro foi o Real Theatro São João, no Rio, que foi inaugurado em 1813. A partir de 1923, passou a ser conhecido por sua alcunha atual: Teatro João Caetano
Vista aérea hoje do Teatro João Caetano e entorno.
Vista aérea hoje do Teatro João Caetano e entorno.

O teatro na atualidade

Hoje em dia, essa maneira de se expressar artisticamente possui características bastante diferentes daquelas que a definiam nos primórdios.

Cena de teatro em uma casa de espetáculos. Na imagem, encenação de Morte e Vida Severina, de João Cabral de Melo Neto

A manifestação evoluiu ao longo da história, passando a ser apresentada também em locais fechados, o que acabou por restringir e elitizar seu público.

As formas de atuação se transformaram e o objetivo dos espetáculos também, sendo possível encontrar várias vertentes teatrais atualmente.

Dia Mundial do Teatro.

O teatro, tornou-se uma das linguagens artísticas mais comuns e populares nas sociedades ocidentais. Atualmente existe uma grande variedade de gêneros teatrais, o que demonstra a riqueza dessa linguagem artística.

Foi pensando nisso que o Instituto Internacional do Teatro (IIT) idealizou uma data para celebrar essa linguagem artística. Essa data foi criada, em 1961, como o Dia Mundial do Teatro, sendo que sua primeira celebração aconteceu no ano seguinte, em 1962. Essa data é utilizada como forma de celebração e divulgação do teatro internacionalmente.

 

Fonte:
https://brasilescola.uol.com.br/assets/images/cabecalho/logo.png
Por Daniel Neves Silva
https://static.todamateria.com.br/img/logo@2x.png
Por Laura Aidar
http://www.pr.gov.br/

Deixe um comentário

Por favor digite o seu comentário
Por favor digite seu nome