Estaremos colocando aqui um pouco da história e vídeos das bandas do Rock Nacional dos anos 80, que foi um período a que se atribui a popularização do Rock no Brasil. Uma verdadeira explosão de bandas de rock em todo país.

12

 

Nascimento Da Plebe Rude

Gutje, André X e Jander Bilaphra foram os músicos que iniciaram a primeira formação da banda em 1981. A banda conquistou o público jovem em consequência do conteúdo crítico, poucas vezes vistos em qualquer espécie de gênero musical brasileiro. O estilo singular refletia a rebeldia punk, com alta crítica e pouca preocupação com a formação dos acordes e arranjos dos conjuntos de melodias. Por este motivo a banda é considerada por parte da crítica como mistura entre punk rock, punk inglês e new wave.

Nascimento Da Plebe Rude

Prisão Da Plebe Rude

Em termos gerais representa uma das bandas de rock nacionais mais importantes do Distrito Federal. No dia 05 de setembro de 1982, Plebe Rude e Legião Urbana dividiram o palco em festival de rock realizado na cidade de Patos, Minas Gerais. Renato Russo que acabara de sair do Aborto Elétrico estava com a banda nova que abriu o esperado show da Plebe Rude.

Depois das apresentações foram presos por tocarem a música “Voto em Branco”. A Legião Urbana entrou junto no camburão por causa da “Música Urbana 02”. No entanto a coletividade musical foi solta após todos alegarem que eram de Brasília. A polícia temeu que fossem filhos de políticos!

Plebe Rude X Herbert Viana

Por onde passava a banda Plebe Rude chamava a atenção de maneira positiva ou negativa. Estavam presentes em casas de shows importantes do Rio de Janeiro e São Paulo, presenta garantida no conhecido Circo Voador. Em um dos shows aconteceu o lendário encontro entra a banda e Herbert Viana, que foi homenageado na música “Minha Renda”, do primeiro álbum da Plebe de Rude: “Já sei o que fazer para ganha muita grana, vou mudar meu nome para Herbert Vianna”, diz a estrofe.

No início da noite o clima estava quente no Circo Voador. No entanto, o vocalista dos Paralamas do Sucesso entendeu o sarcasmo inteligente da banda. A partir daquele momento Herbert foi um dos músicos que participaram de maneira direta a ajudar a propagação da Plebe Rude em níveis nacionais.

No ano de 2003 Jander Bilaphra e Gutje deixam de integrar a Plebe Rude. A banda voltou com Clemente, integrante também dos Inocentes e Txotxa, que havia tocada com o Maskavo Roots por alguns anos. Na primeira década do século XX a banda se demonstrou ser madura que continua escolhida para participar de diversos festivais de rock nacional. Em 2006 saiu o álbum independente, lançado pela Revista Outra Coisa, do roqueiro Lobão. “R ao Contrário”, “O que se Faz” e “Voto em Branco” são destaques do trabalho, a última música tocada em conjunto com a Legião Urbana no show de Patos em Minas Gerais, ano de 1982.

No ano de 2009 foi gravado o primeiro DVD da história da banda “Rachando o Concreto – 30 anos Ao Vivo”. A Plebe Rude continua fazendo músicas com alto crítico nas composições das letras, primando sempre para a atitude. Concorreu ao Grammy de Melhor Álbum do Rock Brasileiro. Com o novo sucesso conquistado o conjunto assinou contrato com gravador Coqueiro Verde, em 2010, mesmo ano de gravação da música “The Wake”, que foi destaque no filme “Federal”. O baterista Txotxa deixou o grupo em 2011 para tocar com o Natiruts. Marcelo Capucci assumiu a sua posição na Plebe Rude.

Formação Atual

  • Philippe SEABRA: Guitarra e voz;

  • Clemente: Guitarra e voz;

  • André X: Baixo

  • Marcelo Capucci: Bateria

Ex-integrantes

  • Gutje

  • Jander Bilaphra

  • Txotxa

Discografia Da Plebe Rude

1985: O Concreto Já Rachou (EMI)

1987: Nunca Fomos Tão Brasileiros (EMI)

1988: Plebe Rude III (EMI)

1993: Mais Raiva Do Que Medo (Natasha Records/Sony Music)

1997: Portfólio (EMI) – Caixa

1998: Preferência Nacional (EMI)

2000: Enquanto a Trégua Não Vem (EMI)

2002: Identidade (EMI)

2003: 2em1 (O Concreto Já Rachou e Nunca Fomos Tão Brasileiros juntos no mesmo CD) (EMI)

2001: Para Sempre (EMI)

2006: R ao Contrário (Independente / Outra Coisa)

2011: Rachando Concreto: Ao Vivo em Brasília (Coqueiro Verde)

 

 

Plebe Rude – Proteção (medley Pátria Amada)

Plebe Rude – Anos de luta

Plebe Rude – [1986] Proteção – Clip Clip

plebe rude A Ida (DVD – Rachando Concreto ao vivo em Brasília 2011)

 

Deixe um comentário

Por favor digite o seu comentário
Por favor digite seu nome